A Polícia Civil, deu continuidade às investigações relacionadas ao assassinato de Lara Adélia Floriano, de 21 anos, uma jovem que foi esfaqueada na Zona Oeste da cidade.

No início das investigações um homem, teria sido encontrado com as mesmas características do autor, no Kartódromo da cidade, e portanto preso de maneira preventiva. Em suas roupas havia ainda, manchas de sangue, além de sangue embaixo de suas unhas.

Este jovem apresentou um álibi, e que devido a plausibilidade dos fatos, a PC continuou a investigação e chegou a possibilidade do autor ter sido na verdade o namorado da vítima, Edmo Geraldo Júnior, 33 anos, conhecido como Juninho.

Ele foi abordado e após mentir sobre os fatos em um primeiro momento; ele finalmente assumiu a autoria do crime contra a jovem Lara.

Lara Adélia Floriano, vítima de femimicídio. Foto: redes sociais

Segundo delegado Dr. Hernani Peres Vaz, as câmeras de monitoramento de comércios próximos ao crime, apontaram que o criminoso era na verdade Juninho. Ele assumiu ainda ter se desfeito de suas roupas, manchadas de sangue, e ainda da arma do crime (uma faca) e de um óculos de sol.

Calça manchada de sangue e óculos de sol do suspeito, encontrados próximos a cena do crime.

O SUSPEITO

Juninho ao ser encaminhado ao cartório, na delegacia da PC, assumiu para a imprensa a autoria do crime, mas não quis dizer sua motivação.

Dr. Hernani, afirmou que a morte teria acontecido, segundo Juninho, pois sua namorada estaria roubando seus pertences, para venda e aquisição de drogas.

Delegado responsável pela investigação, Dr. Hernani Peres Vaz.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here